Rui Pedro Soares o atual presidente da SAD entrou discretamente na Portugal Telecom, mas cedo protagonizou notícias por estar envolvido nas alegadas escutas do caso “Face Oculta” publicadas pelo jornal “Sol”.

Quem é Rui Pedro Soares

Foi administrador executivo da “holding” Portugal Telecom desde 2006 ano em que Henrique Granadeiro assumiu a presidência executiva. Ficou com o pelouro das regiões autónomas e autarquias, com o marketing institucional, e com o imobiliário e segurança.



Em 2008, quando houve uma reorganização na estrutura administrativa da PT e Zeinal Bava assumiu a presidência executiva, saiu reforçado. Além de manter os cargos que já tinha ficou com as participações financeiras da TM Macau, Timor Telecom e da Archway, mais o ambiente e eficiência energética.

Rui Pedro Soares PT

Rui Pedro Soares PT

Tem 40 anos. É do Porto mas na adolescência rumou a Lisboa. Estudou no IPAM – Instituto Português de Administração de Marketing, tendo tirado uma formação no INSEAD em telecomunicações, estratégia e marketing. Os contactos com os clubes de futebol, patrocinados pela PT, são da sua responsabilidade.

Pinto da Costa Entrega Dragão de Ouro

Pinto da Costa Entrega Dragão de Ouro

Dizem que é portista

Recebeu em 2008 um Dragão de Ouro (Sócio do Ano). Chegou a vereador sem pelouro na CML quando concorreu na lista de João Soares em disputa com Santana Lopes e que este ganhou.

Segundo a revista “Visão” ainda foi candidato à liderança da JS, mas, quase sem apoios, perdeu. Foi na JS que conheceu Paulo Penedos, o advogado que acabou por ser seu assessor jurídico na PT com quem manteve as conversas telefónicas, alvo de escutas.

Controlo da Comunicação Social

Rui Pedro Soares e Paulo Penedos foram “apanhados” a falarem sobre a compra da TVI pela PT para alegadamente servir o propósito de controlar a comunicação social como faz o Benfica. Segundo o “Sol” foi também na JS que conheceu Marcos Perestrello que o levou para o grupo de apoio a José Sócrates.

Participou também noutras administrações por via da PT. Uma delas é a do Taguspark, onde foi administrador não executivo, colega de Américo Thomatti, presidente executivo do Taguspark, também apanhado numa conversa com Paulo Penedos sobre o negócio da TVI.



Presidente da SAD do Belenenses

Presidente da SAD do Belenenses

Presidente da SAD do Belenenses

Vamos perceber como apareceu no Belenenses chegando mesmo a presidente da SAD. O ex-administrador da Portugal Telecom possuía a fatia maior da SAD do clube, já que, em dezembro de 2012 tinha adquirido, através da Codecity Sports Management que liderava, 46,93% do capital social por 469 euros.

Quando fez este acordo tinha ficado pré-definido que logo que fosse legalmente permitido adquiria mais cinco por cento. Assim aconteceu em agosto de 2013 quando o Belenenses atravessou uma crise financeira.

Essa aquisição comunicada pela empresa à CMVM foi feita por 50,04 euros, valor que corresponde a 50.040 ações ao preço unitário de um cêntimo. Rui Pedro Soares passou a ser o dono maioritário da SAD detendo 51,9% do capital social.

Passadas 2 épocas enquanto a equipa de futebol se posicionava do meio da tabela para baixo, a SAD iniciou umas estranhas negociatas com o Benfica tendo recebido empréstimos em dinheiro e jogadores que, segundo explicações recentes, serviriam para esconder as entradas de capital fresco. Todos vimos nas denúncias do caso dos emails que os jogadores cedidos pelo clube da treta não são convocados ou ficam mesmo impedidos de defrontar o Benfica.

Protocolo entre o clube e a SAD

Foi então assinado um protocolo entre o clube e a SAD para utilização do Estádio do Restelo pertença do clube. Contudo as dívidas relativas ao arrendamento, manutenção, treinos e jogos começaram a vencer-se atingindo uma verba de 450 mil euros. O presidente do clube nada contente com o rumo que as coisas estão a tomar tem procurado um entendimento sem resultados que já motivaram no ano passado um comunicado aos sócios.

O Clube de Futebol “Os Belenenses” informa os seus associados que, na presente data, notificou a Belenenses – Sociedade Desportiva de Futebol, SAD, para pagamento dos montantes devidos ao abrigo da conta-corrente entre Clube e SAD considerando a decisão do Tribunal Arbitral notificada às Partes em 11.07.2017.

Documento Centro de Arbitragem Comercial

Documento Centro de Arbitragem Comercial

Conforme já anteriormente defendido, resulta da decisão proferida pelo Tribunal Arbitral que a SAD tem de pagar ao Clube de Futebol “Os Belenenses”:

  1. a) os direitos de formação por atletas formados no Clube nos termos regulamentares;
  2. b) que as verbas relativas ao mecanismo de apoio da UEFA a clubes formadores são receita exclusiva do Clube;
  3. c) e que tais valores são cumuláveis com o pagamento de 15% sobre as transferências efetuadas pela SAD de jogadores formados no Clube, aqui apenas sendo descontado o que for devido a terceiros a título de compensação.

Valores recebidos pela SAD e não entregues ao Clube relativos às épocas de 2011/2012, 2012/2013, 2013/2014 e 2014/2015, relativos às verbas da UEFA de comparticipação do clube formador: € 161.844,47.

A comunicação à SAD dos presentes montantes em dívida na presente data, que ascendem a 449.384,39 €, a que acresce o IVA à taxa legal em vigor, resulta da aceitação por esta da decisão do Tribunal Arbitral tal como interpretada pelo Clube de Futebol “Os Belenenses” em 15.07.2017, de acordo com a última manifestação de vontade efetuada pela SAD no processo no passado dia 6 de Outubro de 2017.

Se esta situação continuar o presidente do clube Patrick Morais de Carvalho prevê denunciar o protocolo acima descrito e formar uma equipa que começará a participar nos campeonatos desde os escalões mais baixos. A SAD que não apresenta as Contas nem os contratos com os jogadores se não assumir as dívidas que entretanto se vão acumulando terá que encontrar a partir do final da época um sítio para jogar com todas as consequências para os sócios.

Denuncia por Diretor de Comunicação do FC Porto

Denuncia por Diretor de Comunicação do FC Porto

Não consigo compreender como este individuo tem a coragem de mandar recados ao nosso clube a propósito do caso dos emails. Provavelmente será mais um cartilheiro a trabalhar para o clube da treta.



Mais uma notícia

ÚLTIMA HORA – Em resposta à ameaça de revisão do protocolo, Rui Pedro Soares disse: “Desde dezembro o Estádio do Restelo está penhorado pela Oitante, S.A. empresa que tem por objeto social a administração dos direitos e obrigações que constituam ativos do Banif – Banco Internacional do Funchal. Como a Direção do clube deixou de pagar uma dívida de 5M€ o estádio que foi alvo de uma penhora pode ser vendido a qualquer momento.”

Até à próxima

[Total: 2    Average: 4.5/5]